Sexta-feira, 12 de Setembro de 2008

Corro em torno de ti, tentando fugir do que acho que sinto, do que talvez queira sentir.

Corro sempre em torno de ti. Sempre.

Talvez porque me dás uma sensação de lar. Daquele quentinho dos lençóis num inverno. Dás-me isso, aconchego e é por isso que teimo em gravitar em torno de ti, em permanecer sempre perto.

És o meu porto seguro. Quando tudo está errado, tu estás lá para me proteger da tempestade, ou minimizar os danos. Estás sempre lá, sempre igual a ti próprio, sempre da forma que eu gosto.

… E isso está a dar cabo de mim.

Uma parte de mim quer para sempre ficar neste conforto que és tu, a parte que tem medo que tudo falhe.

Outra parte de mim sabe que ao ficar aqui me vou magoar e talvez te possa magoar a ti. Esta parte de mim quer encontrar a felicidade completa, não se quer contentar com esta metade em que julgo que estamos.

Nunca soube definir bem o que somos e é isso que me mantém nesta indecisão.

Talvez sejamos perfeitos um para outro. Talvez o destino só nos tenha juntado para nos suportarmos mutuamente quando o céu fica negro.

Não sei.

O que importa é que agora, neste momento em que tudo o que vejo é cinzento, tu és tudo o que distingo.

 


Estou: confortável na indecisão
My Soundtrack: Coldplay - The Scientist
tags:

publicado por Night_Angel às 22:56 | link do post | comentar

2 comentários:
De Infinit a 13 de Setembro de 2008 às 16:10
Sabes o que eu mais gostei... Tudo!!! Por isso era para mim tão difícil ontem comentar.

Sabes que esse impasse em que te encontras terás de o enfrentar um dia.. Compreendo que não queiras por em causa essa relação na qual te sentes segura. Sem te querer influenciar, sabes que depois, no futuro virão os "SES",. E se eu tivesse arriscado? E se eu tivesse deixado aquele conforto? Se, se, se.....

Aqui estás num impasse, entre o que te diz o coração e a racionalidade... Se a racionalidade te impede de sofrer, ao mesmo tempo impede-te de partir em busca de algo extraordinário. Enquanto que o coração, diz-te aquilo que tu sentes e sabes que deves fazer, mas pode arrastar-te sem qualquer intenção para algo menos positivo.

Coração ou razão!!!! Escolha díficil e eu sei que não ajudei em nada.


P.S Em relação aos comentários, de ve ser mesmo um recorde. xD


De loira incompreendida a 18 de Setembro de 2008 às 21:56
comento poucas vezes, mas apaixono-me muitas pelo que escreves. Descreves na integra sentimentos que nos preenchem a todos, a mim...

este texto então... não há palavras. Está real, não é só mais uma lamechice qualquer. Foi por isso que gostei tanto

(oh, e faz-me lembrar imenso do Jacob Black... xD )

beijinhos



Comentar post

MiM
Agosto 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Secret #2

Secret #1

I can't deny it

[my mind is out of contro...

when words escape me

Argumentos de Loucura

Hopelessly

This is so fucking stupid...

Confessions #6

I Crave for You

arquivos

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds